HOMEOPATIA:
Ciência, Filosofia e Arte de Curar


Publicações do Autor 

Ensaio patogenético do ácido bórico em plantas de feijão e tomate - IJHDR / Revista de Homeopatia 

Ensaio patogenético do ácido bórico em plantas de feijão e tomate - IJHDR / Revista de Homeopatia

Carneiro SMTPG, Romano EDB, Pignoni E, Garbim THS, Oliveira BG, Teixeira MZ. Pathogenetic trial of boric acid in bean and tomato plants. International Journal of High Dilution Research 2011; 10(34): 37-45.

Disponível em: http://highdilution.org/index.php/ijhdr/article/view/422file:///C:/Users/MZulian/Downloads/422-1-1682-5-10-20110411.pdf

Carneiro SMTPG, Romano EDB, Pignoni E, Garbim THS, Oliveira BG, Teixeira MZ. Experimentação patogenética de ácido bórico em feijoeiro e tomateiro. Revista de Homeopatia 2011; 74 (1/2): 1-8.

Disponível em: http://www.aph.org.br/revista/index.php/aph/article/view/55/77

 

Resumo

Introdução: A homeopatia é considerada como uma prática para manejo de doenças e pragas na agricultura orgânica. No entanto, ao contrário dos médicos que dispõe das Matérias Médicas e Repertórios para a escolha do medicamento homeopático mais adequado para o paciente, os agrônomos não dispõem de uma Matéria Médica Homeopática de Plantas (MMHP) com sintomas observados em vegetais. Objetivos: O objetivo deste trabalho foi realizar uma experimentação patogenética homeopática em vegetais, comparando os sintomas apresentados por uma cultivar de feijoeiro e uma cultivar de tomateiro após a administração de ácido bórico em dose ponderal e na dinamização 6cH. Métodos: Foram conduzidos quatro experimentos, dois com tomateiro e dois com feijoeiro, sendo que as plantas receberam entre uma a seis pulverizações dos tratamentos. Resultados: Observaram-se diferenças entre as espécies quanto à sensibilidade ao ácido bórico: nenhuma planta de tomateiro que recebeu Boro 6cH apresentou sintomas, diferentemente do feijoeiro. Por outro lado, nos ensaios com ácido bórico em dose ponderal o tomateiro apresentou três sintomas a mais que o feijoeiro. Nos ensaios com feijoeiro, um maior número de plantas apresentou sintomas após o tratamento com ácido bórico na dose ponderal do que com ácido bórico 6cH. Conclusões: Estes resultados sugerem que na elaboração de uma Matéria Médica Homeopática de Plantas (MMHP) deve ser considerada a espécie vegetal na qual os sintomas foram obtidos. Além disso, as experimentações patogenéticas homeopáticas em vegetais devem ser realizadas tanto com doses ponderais quanto com doses dinamizadas, a fim de que as diferenças na sensibilidade entre espécies possam ser mais bem detectadas.

 

Abstract

Background: Homeopathy is held in organic agriculture as a means to control disease and plagues. However, different from doctors, who have works on materia medica and repertories available to choose the most suitable homeopathic medicine for each patient, agronomists do not yet have an equivalent Homeopathic Materia Medica of Plants (HMMP) describing symptoms observed in plants. Aim: the aim of this study was to carry out a homeopathic pathogenetic trial (HPT) in plants comparing the effects elicited by boric acid in ponderable dose and dilution 6cH in two different plant species, namely bean and tomato cultivars. Methods: 4 tests were carried out, 2 on tomato and 2 on bean plants, which received 1 to 6 applications of treatments. Results: there were differences between both species regarding their sensitiveness to boric acid. None of the tomato plants that received Boron 6cH showed symptoms, differently from bean plants. On the other hand, in tests of ponderable doses of boric acid, tomato plants exhibited 3 symptoms more than bean plants. A higher number of bean plants exhibited symptoms with boric acid in ponderable dose than in dilution 6cH). Nos ensaios com feijoeiro, um maior número de plantas apresentou sintomas após o tratamento com ácido bórico na dose ponderal do que com ácido bórico 6cH. Conclusions: these results suggest that the elaboration of a HMMP must take into account the species in which symptoms were obtained. Moreover, HPTs in plants must be carried out with both ponderable doses and high dilutions in order for differences in sensitiveness among species be better identified.

 



HOMEOPATIA:
Ciência, Filosofia e Arte de Curar

Prof. Dr. Marcus Zulian Teixeira
Rua Teodoro Sampaio, 352 - Cj.128
CEP 05406-000 - São Paulo - SP
(11) 3083-5243 | 3082-6980
marcus@homeozulian.med.br
Todos os direitos reservados a Marcus Zulian Teixeira - Escritório de Direitos Autorais - Fundação Biblioteca Nacional