HOMEOPATIA:
Ciência, Filosofia e Arte de Curar


Publicações do Autor 

Agravação homeopática: uma síntese para a prática - Revista de Homeopatia 

Agravação homeopática: uma síntese para a prática - Revista de Homeopatia

Teixeira MZ. Agravação homeopática: uma síntese para a prática. Revista de Homeopatia (AMHB) 1998; 2(1): 87-95.

Disponível em: http://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/hom-5177 / ResearchGate

 

Resumo

Após um extenso levantamento bibliográfico sobre o assunto, convocamos os docentes da Associação Paulista de Homeopatia (APH) para discutir o polêmico tema das 'Agravações Homeopáticas', no intuito de uniformizarmos conceitos abordados, muitas vezes, de formas diversas pelos autores clássicos. Do consenso atingido neste fórum de discussões, surgiu este material. Como fruto desta troca de conhecimentos, pudemos rever e redimensionar concepções arraigadas ao ensino homeopático, algumas delas errôneas, produzindo um material de estudo mais sintético e sistemático. Comparando as abordagens de Hahnemann e Kent, analisamos o 'mecanismo de ação das drogas', os 'tipos de agravação', a 'necessidade da agravação homeopática', a relação entre 'agravação e dose ou potência do medicamento' e a 'agravação do estado psíquico'. Ao concluir este estudo, verificamos que alguns conceitos são abordados de formas diversas pelos autores analisados, exigindo-nos uma diferenciação clara, para que possamos falar a mesma linguagem. Caso não façamos esta distinção, misturaremos situações diversas, criando confusões doutrinárias quando formos aplicá-las ao acompanhamento e à evolução do caso, como por exemplo, nos prognósticos homeopáticos.

 

Abstract

After a large bibliographic investigation about the subject, we invited the teaching body of Associação Paulista de Homeopatia (APH) to discuss the polemical theme about the 'Homeophatic Aggravations' in order to render uniform the concepts approached, many times, in different ways by classic authors. This material appeared from the consensus reached in this forum of debate. As a result of the exchange of knowledges we were able to redimension and review concepts of the homeophatic teaching, some of them erroneous, generating a more synthetic and methodical material of research. Comparing the approaches of Hahnemann and Kent, we analysed the 'mecanism of the drugs' action', the 'types of aggravation', 'the necessity of the homeophatic aggravation', the relationship between 'aggravation and dosage or the strenght of the medicine' and the 'aggravation of the psychic condition'. To conclude this study, we verified that some concepts are approached in different ways by the analysed authors, requiring us a clear differentiation, in order to be able to speak the same language. In case of not doing this distinction, we will mix many different situations, creating doctrinaire disorders when we apply them in the follow-up and evolution of the case (example: in homeophatic prognosis).

 



HOMEOPATIA:
Ciência, Filosofia e Arte de Curar

Prof. Dr. Marcus Zulian Teixeira
Rua Teodoro Sampaio, 352 - Cj.128
CEP 05406-000 - São Paulo - SP
(11) 3083-5243 | 3082-6980
[email protected]
Todos os direitos reservados a Marcus Zulian Teixeira - Escritório de Direitos Autorais - Fundação Biblioteca Nacional